Você já imaginou que aprender Russo poderia ser útil em atividades de Inteligência Cibernética? No próximo domingo, dia 19 de novembro, às 19h, uma oportunidade única para entender a correlação entre o domínio do idioma e CTI será apresentada em uma palestra imperdível. Os renomados especialistas, Professor Wallace Armani, da Wallace Armani CIOE, e Professor Raul Cândido, da Lobo Inteligência, se unem para desvendar como o conhecimento da língua russa pode ser crucial para a compreensão e atuação no universo da segurança digital.

Sobre a Palestra:

O Mauricio Vaz já comentou anteriormente sobre este tema, mas, muita gente ainda tem muitas perguntas sobre o tema. Então a palestra Como aprender Russo pode ser útil na Inteligência Cibernética?, a ser transmitida ao vivo pelo YouTube, vai conduzir o publico em um mergulho nos meandros da intersecção entre o estudo do idioma e as estratégias de inteligência cibernética. O Professor Wallace Armani, reconhecido por sua experiência como pesquisador acadêmico e professor de idiomas, será acompanhado pelo Professor Raul Cândido (este que vos escreve), Especialista em DFIR e Inteligência Cibernética.

Porque o Russo?

A importância do idioma russo neste cenário específico vem ganhando destaque, especialmente diante do contexto geopolítico e do papel desse idioma em diversas plataformas e fóruns digitais de relevância para a segurança cibernética. A diferença entre uma gíria hacker e um termo técnico, vocabulário militar e até mesmo abreviaturas podem ser um elemento chave na produção de Inteligência.

Aplicações

Durante o evento, os palestrantes abordarão como o aprendizado do russo pode ampliar as possibilidades de compreensão de conteúdos sensíveis na internet, acesso a fontes de informação estratégicas e até mesmo a interpretação de padrões de comportamento em contextos digitais específicos. Por exemplo analistas de malware, profissionais de SOC, CSIRT ou CTI, profissionais que utilizam técnicas de Osint e Humint, coletando dados em Darknet, e muitas outras circunstâncias podem envolver diálogos, publicações ou contexto originais da língua russa.

Os Palestrantes:

Wallace Armani
Sou mestre em Sociologia Política (IUPERJ-UCAM), mestrando em Linguística Aplicada (UNITAU) e em Educação (IEES/Portugal). Tenho 46 anos e estudo idiomas desde os 14. Sou professor de inglês, italiano, russo, lituano e croata. Estudo russo desde 2009. Trabalhei em escolas por 10 anos ininterruptamente, consolidando experiência de ensino de inglês, italiano e russo. Por dois anos, ministrei aulas de inglês instrumental na Fundação Cefet Minas para candidatos a programas de mestrado e doutorado na UFMG e CEFET-MG, obtendo 100% de aprovação. Sou hiperpoliglota membro da HYPIA (The International Association of Hyperpolyglots), além de possuir ampla vivência internacional e linguística (autodidata, formal, acadêmica, tradutora e de ensino).

Raul Cândido
Fundador da Lobo Inteligência, voluntário WOMCY, Perito em Computação Forense e Linguística Forense associado a APECOF, membro da Comissão de Direito Digital da 25ª subseção da OAB/MG em Poços de Caldas, e membro do Internacional Centre for Digital Humanities. Tecnólogo em Segurança da Informação pela FAM; Especialista em Segurança Ofensiva e Inteligência Cibernética pela VINCIT; Especialista em Linguística Forense pela Unyleya; Especialista em Linguística Forense pela Universidade do Porto (em curso); Especialista em Comportamento Não Verbal e Análise de Credibilidade pela ClueLab/FACSM (em curso); Mestrando em Segurança Cibernética e Perícia Digital pela University of Portsmouth.

Para participar deste mergulho fascinante no mundo da inteligência cibernética e do idioma russo, basta acessar o canal no YouTube no dia 19 de novembro, às 19h, e juntar-se a essa discussão envolvente e esclarecedora.

Saiba mais sobre o curso no site oficial, clicando aqui.

segundo banner sobre a palestra

Curso Criminal Profiling: Aprenda as Técnicas de Investigação Profissional
Como eu estudo OSINT? – Parte II
Curso de Inteligência Cibernética na Prática
SIMPOCONV IV: 4º Simpósio Internacional em Comportamento Não Verbal

Visits: 175