Muitas vezes estudantes me abordam e questionam sobre cursos, decisões de carreira e principalmente conteúdo técnico a ser estudado. Gosto de colaborar e dividir conhecimento, afinal de contas ninguém chega a lugar nenhum sozinho e quem pensa diferente normalmente não reconhece o apoio que teve no caminho. E se já não fosse difícil estudar os temas complexos que envolvem a Segurança da informação também precisamos lidar com pessoas que tem medo de que outras pessoas estudem mais que elas. Então vou me esforçar e tentar passar algumas dicas pra vocês na minha coluna semanal aqui no Hacker Culture.

Tá, mas, e por onde começo a estudar OSINT?

Se você está interessado em estudar OSINT (Inteligência de Fontes Abertas), existem diversas fontes de informação que podem ajudar a iniciar sua jornada:

1. “Documentação oficial”: Uma ótima maneira de começar é explorar a documentação oficial de ferramentas e técnicas OSINT. Websites como o “The OSINT Framework” (osintframework.com) oferecem uma ampla gama de recursos, incluindo listas de ferramentas, tutoriais e técnicas avançadas.

2. Comunidades online: Participar de comunidades online pode ser uma forma eficaz de aprender com outros profissionais e entusiastas da OSINT. O Reddit possui uma comunidade ativa e engajada chamada “r/OSINT” (www.reddit.com/r/OSINT), onde você pode encontrar discussões, compartilhamento de conhecimentos e dicas úteis.

3. Cursos online: Existem diversos cursos online disponíveis que abordam OSINT de forma abrangente. Plataformas de aprendizado, como a Udemy (www.udemy.com) e a Coursera (www.coursera.org), oferecem cursos sobre o assunto e pra quem está começando é uma forma de economizar. Procure por cursos que cubram desde os conceitos básicos até técnicas avançadas de coleta e análise de dados.

4. Blogs e artigos: Explore blogs especializados e sites de notícias na área de OSINT. O “Bellingcat”  é um exemplo notável de uma organização de jornalismo investigativo que utiliza técnicas OSINT em suas investigações. Além disso, blogs como “OSINT Combine” e “Sector035” fornecem recursos valiosos, dicas e estudos de caso relacionados à OSINT.

5. Livros e materiais educacionais: Existem diversos livros disponíveis que cobrem tópicos relacionados à OSINT. Alguns títulos recomendados incluem “Open Source Intelligence Techniques” de Michael Bazzell (talvez a principal referencia na área) e “OSINT Playbook” de Justin Nordine. Esses livros fornecem insights práticos e exemplos reais para aprimorar suas habilidades em OSINT.

Não podemos esquecer das Google Dorks! Elas são consultas avançadas que podem ser usadas no mecanismo de busca do Google para filtrar e encontrar informações específicas na web. Recomendo explorar a “Google Hacking Database” para descobrir uma vasta coleção de Google Dorks prontas para uso. Lembre-se de estudar e entender a sintaxe das Google Dorks antes de utilizá-las, para garantir uma pesquisa precisa e eficiente.

E pra quem quer avançar?

Com esses recursos à disposição, você conseguirá avançar bastante na sua jornada de estudos em OSINT e desenvolver habilidades essenciais na área de inteligência de fontes abertas. Mas eu não poderia deixar de recomendar fortemente os cursos exclusivos de OSINT da WB Educacional a todos os estudantes e colegas interessados em aprimorar suas habilidades nesta área fundamental da investigação digital. Ao longo da minha carreira, tive a oportunidade de participar de diversos cursos e treinamentos, mas posso afirmar com confiança que os cursos oferecidos pela WB Educacional são excepcionais em termos de conteúdo, qualidade de ensino e experiência dos instrutores.

São muitos treinamentos breves e aprofundados como o Curso de Raspagem de Dados na Internet com Regex #WBRegularExpression, ministrado pelo professor William Wistuba. Ele aborda como utilizar expressões regulares (regex) para extrair informações precisas e relevantes de páginas da web. O curso de Osint on Cloud #Colaboratory, Uso de Fontes Abertas & Detecção de Perfis de Ódio e Osint Aplicada à Ciberinvestigação #Hunter (o nome é longo, mas, o curso é bastante objetivo, cursei e recomendo. Os instrutores são profissionais respeitados e especialistas em suas respectivas áreas, e o aprendizado prático e interativo proporcionado pelos cursos é inestimável.

Outros cursos da WB Educa:

Os conhecimentos adquiridos nesses cursos serão valiosos ao longo de sua jornada profissional. Não hesite em investir em seu desenvolvimento pessoal e profissional. Farei mais algumas postagens sobre esse tema, inclusive mencionando uma certificação nacional muito relevante pra essa área então compartilhe essa postagem e acompanhe as próximas 😉

Como eu estudo OSINT? – Parte II

OSINT do zero a Investigação Profissional

Autor

  • Raul Cândido

    Raul Cândido é Consultor de Forense Digital, pesquisador de Biohacking e segurança de tecnologias na área da medicina, Líder Womcy He for She, autor na Academia de Forense Digital, e Redator Chefe do portal Hacker Culture.

    View all posts

Views: 600